Custos de armazenagem

Diminuir gastos sem que ocorra perda de produtividade no trabalho da empresa é com certeza um dos grandes desafios de qualquer gestor. O custo de armazenagem compõe a etapa logística de gestão de estoques e se refere às despesas vinculadas aos produtos mantidos na empresa antes de serem comprados pelos clientes. Garantir o equilíbrio entre oferta e demanda é, sem dúvidas, um dos maiores desafios dos negócios, por isso é fundamental que esse cálculo seja incluído no planejamento logístico e faça parte da rotina de monitoramento das empresas.

É necessário sempre buscar soluções sólidas que alinhem o baixo custo com um serviço de qualidade. E manusear corretamente o produto é um dos pontos-chave para diminuir custos dentro do armazém ou galpão de uma empresa. Evitar ou baixar consideravelmente a taxa de quebras e avarias sem dúvida alguma ajuda na redução de custo.

O que é custo de armazenagem?

Armazenar é uma necessidade de muitas empresas, e isso não se trata apenas dos produtos que vendem. Muitas empresas precisam de insumos e matérias para o uso interno, devendo também ter esses processos e sob controle, o que demanda espaço e trabalho de estocagem.

Todos os elementos relacionados à estocagem de produtos compõem o custo de armazenagem. Quando se mantêm saudáveis, os custos de armazenagem são importantes para o funcionamento das operações.

Quais são os principais custos com armazenagem?

Os custos de armazenagem podem conter vários itens e se estendem desde o valor pago pela matéria-prima e fabricação dos produtos até a mão de obra e ferramentas de gestão utilizados na operação. Entre os principais e que não podem deixar de compor o cálculo estão:

Estrutural: Em casos de espaços próprios devem ser somados os custos com impostos anuais, como o IPTU, enquanto em estruturas alugadas é o valor de locação que influencia no cálculo. Independentemente do tipo do espaço, se deve sempre somar as contas como, água, internet, luz, seguro entre outros.

Manutenção: Na hora de fazer o cálculo do custo de armazenagem é preciso ficar atento ao fator “depreciação”, muito comum nesse meio. Equipamentos e máquinas usados no armazém precisam de revisões e manutenções constantes, que devem estar previstas no planejamento financeiro. No cálculo de custo de armazenagem saber o tempo de vida útil de um equipamento é importante para determinar a quantidade de trocas e manutenção que devem ser programadas.

Mão de Obra: Para que a operação aconteça de maneira ordenada é preciso que uma equipe esteja a frente de etapas como controle do estoque, recebimento de mercadorias. Nesse caso, é preciso destinar parte dos custos ao pagamento do salário de profissionais como conferentes, assistentes, supervisores e gerentes.

Materiais: Para garantir que as mercadorias se mantenham conservadas até serem entregues a seus destinatários elas devem ser acondicionadas em embalagens que as protejam das ações do tempo e do ambiente. Normalmente são as caixas de papelão que cumprem esse papel, já que também servem como embalagem de despacho ao cliente no momento da entrega. O custo aqui está na aquisição do material.

Operação: Toda a etapa operacional realizada no estoque deve ser considerada como parte do custo de armazenagem. Isso inclui o processo de movimentação feito no espaço, como a entrada e saída de mercadorias (e seu recebimento, armazenagem, separação e carregamento até os transportes).

Tecnologia: O uso de tecnologia é cada vez mais frequente nas operações logísticas. Na etapa do armazém, ajuda a automatizar e gerenciar processos, no entanto, os custos não são pequenos. Os sistemas warehouse, também conhecidos como WMS, ajudam a manter a eficiência durante a estocagem e expedição das mercadorias, oferecendo layouts mais estratégicos e redução na espera e tempo de armazenagem.

Transporte: Em frotas próprias, os custos de transporte estão relacionados ao abastecimento e manutenção dos veículos, além do pagamento de multas e pedágios.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *